John Dewey (1859-1952) e a Pedagogia Progressiva

Pedagogo americano, participa da corrente semiótica (pragmatismo) americana de Charles Pierce, Josiah Royce e William James nos Estados Unidos, que preconizou a sala de aula como uma “comunidade em miniatura” Dewey foi também um ativista social com uma intervenção crítica que preconiza a educação como um instrumento de democratização da sociedade. Parte duma crítica àContinuar lendo “John Dewey (1859-1952) e a Pedagogia Progressiva”