A Dimensão Social da Cultura e a Europa

O fenómeno cultural, tal como hoje o delimitamos, é indubitavelmente um fenómeno europeu. Por essa razão é estranha a ausência de referências, até ao momento, sobre à dimensão cultural nos programas de preparação dos encontros sobre a “dimensão social da Europa, que ao que tudo indica se concretizará em maio no Porto. Da parte dosContinuar lendo “A Dimensão Social da Cultura e a Europa”

Para que servem os museus?

Para que servem os museu?[1] Para que serve o Património? Para que servem as memorias e as heranças coletivas? São questões com que gostamos de desafiar os estudantes do mestrado e doutoramento no início dos debates nas aulas. É uma forma de começar a elaborar um problema, cuja resposta no leva, normalmente por novos caminhosContinuar lendo “Para que servem os museus?”

Para uma poética do pensamento para a autonomia

O pensamento crítico é o pensamento reflexivo que garante a autonomia do ser. A capacidade de pensar críticamente implica identificar e aplicar analogías. É um processo cognitivo de inferência, que passa de um objeto particular para outro objeto particular, valorizando os elementos comuns. É usado como técnica de resolução de problemas. Fases do Pensamento CríticoContinuar lendo “Para uma poética do pensamento para a autonomia”

Voz do Operário

Documentário de Miguel Costa na RTP sobre o Passado e o Presente da Sociedade “Voz do Operário” RTP 2 01 de Outubro de 2020 (12:00) Para ver sobre o Projeto Eucativo da Voz : Aqui https://www.rtp.pt/play/p6252/a-voz-do-operario <a href="http://&lt;!– wp:paragraph –> <p>https://www.vozoperario.pt/</p&gt; <!– /wp:paragraph –> <!– wp:paragraph –> <p> </p> Uma escola na Cidade

Museus dum outro tempo

O grupo de projeto Museus no Futuro, apressadamente concluiu o seu relatório preliminar. Nomeados pela RCM 35/2019 de 18 de Fevereiro, no âmbito das guerras internas dento do Ministério da Cultura, onde os vários atores que se estão a posicionar para o banquete dos fundos europeus, produziram um documento deplorável, do ponto de vista técnicoContinuar lendo “Museus dum outro tempo”

O anjo Caído e as lições da história para um património decolonial

Num postal colocado na lista Museum o nosso colega Pedro Cardoso Pereira alerta para o processo de relevância no património. A sua tese, com a qual estamos de acordo, tem por base a ideia de que atualmente, aquilo a que chamamos Património (que na verdade é já pela sua complexidade patrimónios) sofreu uma mudança deContinuar lendo “O anjo Caído e as lições da história para um património decolonial”